Torre Sprout


  Depois de derrotar Falkner, Sora visitou uma torre na cidade de Violet chamada de Torre Sprout, tanto na entrada como no interior da torre haviam estátuas de Bellsprouts, um dos monges do local explicou – “Aqui, todos nós estudamos e aprendemos que todos os seres vivos podem conviver desde que haja cooperação. O Bellsprout simboliza nossa meta, coexistir em equilíbrio, enquanto que os problemas passam pelas nossas ‘folhas’ e não nos afetam. Desejo que tenha uma boa visita”.

  No topo da torre, um ancião chamado Li conversou com Sora e o desafiou para uma batalha Pokémon, o Eevee de Sora derrotou os dois Bellsprouts de Li – “Pensei que como monges, vocês não batalhassem” – Li respondeu um sincero sorriso – “Meu jovem, batalhar não é o mesmo que uma luta, existem pessoas que usam os Pokémon como se fossem ferramentas, armas numa batalha, é justamente isso que somos contrários… Nós batalhamos, mas como se nossos Pokémon fossem parte de nós, fossemos nós ou nossos amigos… devo parabenizá-lo, você e seu Eevee demonstraram isso. Quero que aceite isso, como um presente, é o HM Flash, em locais escuros, o Pokémon ajudará iluminando o local, e nas batalhas irá reduzir a precisão dos adversários” – Sora aceitou o presente, enquanto Li continuou a explicar – “Escolha bem o Pokémon que deseja que aprenda Flash, porque os ataques aprendidos por HMs só podem ser esquecidos com a ajuda dos Move Deleter!”.

  Retornou ao centro Pokémon, quando encontrou Nones – “Ah, Sora! Estava te procurando, o Professor Elm pediu para lhe entregar isso” – Sora recebeu um Pokégg, perguntou de qual Pokémon seria – “Desculpe, mas isso não sei, como estava a caminho das Ruínas de Alph, o Professor me pediu só para entregar, sem me dizer de qual Pokémon seria… bom, estou indo, até mais!”. Nones saiu do centro Pokémon, Sora guardou o Egg em sua mochila e entregou seus Pokémon à enfermeira para tratá-los, enquanto aguardava, olhava no mapa que tinha no interior do centro: “A próxima cidade é Azalea, no mapa consta que há um ginásio, já decidi para onde ir”.


Deixar uma resposta