Capítulo III – Recrutamento


Em diversas regiões do Mundo Pokémon, diversos treinadores começaram a ser recrutados para a Liga-Z. Estes treinadores eram conhecidos pelas suas habilidades de batalha, e admirados por outros famosos treinadores. Apesar de nunca terem ocupado um lugar de Líderes nas suas respectivas regiões, chegou a vez de ocuparem essa posição na Liga-Z.


Mistralton City, Unova

xWulf estava a correr pela pista de descolagem do aeroporto da sua cidade. Gliscor ia a voar ao seu lado.
– Obrigado, Gliscor! – agradeceu enquanto corria – Sempre estiveste do meu lado, mesmo no pior momento da minha vida, quando eu pensava que não poderia chegar onde cheguei. Muito obrigado por seres o meu parceiro!
O Pokémon sorriu-lhe. Gliscor sabia bem por tudo o que o seu treinador passara e nunca deixara este desistir. Pois um Pokémon sabe o verdadeiro potencial e valor do seu treinador.
– Esperem!! – gritava uma rapariga loira a correr pela pista.
Os dois pararam ao reconhecer Bianca.
– Eu tenho um recado da Professora Juniper para vocês!

Seafolk Village, Alola

Podia ver-se um brilho no meio da água escura junto a praia. Mina estava sentada a pintar o mar nocturno.
– Obrigado pela ajuda Lanturn, já podes descansar! – disse Sasaru ao seu Pokémon depois de ambos surgirem das profundezas. – O que fazes aqui Mina?
– Ah, olá Sasaru! – cumprimentou sem lhe ligar muito – Toma, uma carta do Professor Kukui!
O jovem apanhou no envelope e dirigiu-se para casa curioso.
Parou junto ao seu aquário de Corsolas enquanto lia a carta. Depois de um grito de alegria que acordou alguns dos Pokémon Coral, Sasaru correu para o telefone.
– Misty, nem vais acreditar… – começou ele a contar entusiasmado.

Blackthorn City, Johto

Falcon estava no Dragon’s Den a treinar com Clair. A Líder da cidade e o seu Kingdra sempre foram bons oponentes, mas Falcon e o seu Dragonite sempre davam o máximo de si mesmos.
O Kingdra da Clair é tão poderosos quanto o Garchomp da Cynthia!“, pensava admirando o Pokémon da sua amiga. “Terei que melhorar mais ainda, caso queira vencer o Lance e os seus Dragonite!“.
Falcon desejava ser o maior Dragon Master de todos os tempos.
Porém o treino foi interrompido.
O ancião do Dragon’s Den tinha entrado na sala de batalha e tinha chamado Falcon, parecia que ele tinha uma chamada do Professor Elm.

Pallet Town, Kanto

Sora sobrevoava a sua cidade natal nas costas do seu parceiro, 006MSCharizard, admirando a simplicidade do lugar.
– Já viste, Charizard –  começou ele por dizer apontado para o vilarejo – Nós, o mestre Red e até o seu rival Blue, todos viemos do mesmo lugar. Foi aqui que os nossos sonhos nasceram e viajamos muitos desde que deixamos Pallet. Quem sabe agora um pouco de descanso?
Professor Oak viu os dois e fez sinal para que fossem ir ter com ele.
– Vocês os dois chegaram no momento certo! – informou-lhes a sorrir – Parece que está na hora de por o teu fogo em uso!
Sora e Charizard não perceberam, mas ficaram interessados em saber mais.

Lavaridge Town, Hoenn

Ninguem corria juntamente com Infernape. Ambos levavam o seu treinamento bem sério. Treinavam sempre junto de vulcões, ou então locais menos inóspitos, onde poderiam elevar-se.
– Temos que ficar mais fortes, Infernape! – encorajava o seu Pokémon, enquanto executavam socos no ar, sem interromper o seu treinamento – Senão os nossos punhos nunca serão capazes de derrotar o lendário Heatran!
Um grupo de jovens treinadores vestidos com roupas de karaté surgiram na base do vulcão.
Ninguem e Infernape ao verem os jovens, pararam e assumiram uma pose de meditação.
– Mestre, o Professor Birch precisa falar consigo, urgentemente!

Solaceon Town, Sinnoh

– Vamos, Steven! – chamava Joao pelo seu amigo Steven Stone – Pensava que tu e o Metagross eram mais rápidos!
Joao vinha em cima do seu Golurk e Steven no seu Metagross. Ambos tinham acabado de ir explorar as Solaceon Ruins e estavam a regressar ao vilarejo.
Sempre que podia, Joao convidava Steven para irem explorar as ruínas do mundo. E Steven fazia o mesmo.
– O que se passa aqui? – perguntou uma senhora de idade.
– Avó, Bertha! – exclamou Joao surpreso – O que faz por aqui?
– Vim dar-te um recado do Professor Rowan! – sorriu-lhe, pois parecia saber do que se tratava.

Seafom Island, Kanto

– Bem, Lucario, não foi desta vez que ganhamos o coração de Korrina! – dizia Lineas ao seu Pokémon enquanto atracavam na costa da ilha.
O Pokémon pareceu estar envergonhado ao lembrar-se do seu dono a ser jogado contra o chão pela Líder de Shalour City. Pelo menos dava-se bem com o Lucario desta.
– Mas isso agora não importa! O que importa agora é que vamos derrotar o Blaine!
Entraram no ginásio.
– Parece que vens com intenções de ter uma batalha, Lineas! – disse Blaine ao recebê-lo – Mas terá que ficar para outra altura! Vai para Pallet Town, Oak quer falar contigo!

Sootopolis City, Hoenn

Depois de muitos anos longe de casa, Giovanne regressara. Viajou para Kalos e lá treinou com Valerie, aperfeiçoando os seus conhecimentos em Pokémon Fairy.
– Vamos, Gardevoir! – olhou para o seu Pokémon com um bastante confiante – É desta que iremos conseguir derrotar o senhor Wallace!
Mais tarde Giovanne descobriu que era Juan que estava a cargo do Ginásio de Sootopolis novamente e que Wallace era o actual Champion de Hoenn.
-Parece que temos que ir a Liga, Gardevoir! – dizia este ao deixar o Ginásio.
Mas a sua ida até a Liga foi atrasada por um telefonema do Professor Birch.

Anistar City, Kalos

– Senhora Olympia, aquele mundo é completamente sem sentido e não se rege pelas mesmas leis que o nosso! – explicava Diego à sua antiga mestre.
– Deve ter sido uma aventura interessante! Poucos devem ter sido os humanos que entraram no Distortion World, Diego! – comentava ela a pensar em como seria o local.
– Foi com a ajuda da Champion Cynthia e os seus conhecimentos que consegui! Mas é claro, que nunca teria conseguido sem a tua ajuda, Reuniclus!
O Pokémon sorriu e começou a saltitar no ar.
– Bem, eu sei que queres contar-me mais coisas, mas tenho um recado do Professor Sycamore para ti!
Diego e Reuniclus entreolharam-se curiosos.

Cianwood City, Johto

– Foi neste mesmo local que encontrei o senhor Eusine e vi Suicune pela primeira vez! – contava Ledcads ao seu Snorlax.
O jovem treinador lembrava-se que a partir desse dia, pedira a Eusine para poder ir com ele à procura dos misteriosos e alusivos Pokémon Lendários. Durante muitos anos ele procura por esses mitos, mas percebeu que eles deveriam ser só admirados e observados.
Tinha regressado a casa e queria agora um novo objectivo.
– Ledcads! – chamou-lhe um homem bastante musculoso.
Ledcads reconheceu rapidamente Chuck.
– Tens um recado do Professor Elm, é melhor ires ver o que ele quer!

Goldenrod City, Johto

Tubara estava no centro da cidade a tocar a sua guitarra, mas desta vez só por puro prazer, não em concertos como habitualmente. Muitos aproximavam-se para poder ouvir melhor. Jolteon que estava sentado ao seu lado, não se mexia, ouvindo as melodias, somente os pelos do seu corpo que reagiam consoante os tons.
É bom fugir um pouco dos holofotes de vez em quando e regressar a casa…“, pensava enquanto fazia uma pausa para fazer festas ao seu Pokémon. “Pergunto-me como será que está o senhor Giovanni…“.
O seu pensamento foi interrompido pelo som do seu Pokégear a tocar.

Vaniville Town, Kalos

– Ai o clima de Alola é tão diferente do que este de casa, não achas, Venusaur?
Lilie regressara à casa depois de viajar pelo mundo e de uma temporada a treinar com Mallow em Akala Island.
Ao aproximar-se de casa, Lilie foi surpreendida pelo seu Fennekin, que saltou-lhe automaticamente para os braços ao ver a sua treinadora depois de muito tempo.
– O que fazes a aqui? Não deverias estar no laboratório? – a treinadora abraçou o seu pequeno Pokémon.
– Temos um recado para te dar! – Lilie foi surpreendida pelo Professor Sycamore – Parece que o teu regresso à Kalos vai durar pouco tempo! – brincou.

Pallet Town, Kanto

– Era o Sora lá fora? – perguntou Kira Kido ao Professor Oak?
– Sim! Fui dar-lhe um recado importante – respondeu-lhe ao observar mais um dos seus estudantes – E o mesmo recado que dei-lhe, vou dar a ti!
Kira Kido olhou para a sua Ninetales bastante curioso.
– O que é Professor?
– Chegou a tua oportunidade pela qual tanto esperaste e treinaste comigo e com Blue, Kira! Vais partir em mais uma viagem! Chegou a hora de provares que os teus Pokémon Ice são os mais fortes, como sempre dizes! – comentava Oak bastante contente.
O jovem parecia bastante entusiasmado com a ideia.

Ecruteak City, Johto

Goncaloo estava sentado no último andar da Burned Tower com o seu Chandelure. Era de noite e ambos estavam a observar o céu estrelado que brilhava sobre Ecruteak.
– Consegues lembrar-te do dia em que esta torre ardeu? – perguntou ao seu Pokémon ao conseguir ver as chamas a consumir a torre nas suas memórias.
Chandelure anuiu afirmando que se lembrava.
– Foi nesse dia que te conheci… – dizia a olhar com carinho para o seu parceiro de longa data – Como o tempo passa rápido, não é verdade, Morty? – dirigiu-se ao jovem ao dar pela sua presença.
– Sim, mestre! – respondeu o Líder da cidade – Tenho um recado do Professor Elm para si!

Fuschia City, Kanto

– Estás de parabéns, Sun! – felicitou-a Koga.
– Obrigado, sensei! – agradeceu Sun fazendo uma vénia. O seu Toxicroak imitou-a.
– Depois destes anos todos de treinamento, conseguiste-me vencer a mim e a Janine! – dizia um pouco admirado mas contente – Acho que chegou a hora de ires para a próxima fase!
A jovem ninja não tinha percebido o que ele queria dizer com aquilo.
– Esta carta chegou ao Ginásio hoje de manhã, e acredito que vais ser o ideal para assumir a posição que aqui pedem! – disse bastante orgulhoso da sua estudante.


A maior parte dos Z-Líderes que Professor Nones queria já tinha sido recrutada. Com tantos treinadores poderosos a defender a Z-Liga, o Professor estava confiante que em breve teria um grande evento a decorrer na sua ilha.

As maiores batalhas do mundo Pokémon!