Dragon’s Den


  Falcon viajou até a cidade de Blackthorn na região de Johto: “Lance e sua prima, Clair, treinaram nessa cidade, e também dizem que vários treinadores que se especializam em Pokémon dragões visitam essa cidade para treinar, acredito que seja uma boa ideia aprender algo lá”, estava impressionado que a cidade era completamente cercada pela montanha, foi diretamente ao ginásio, mas estava fechado com um aviso “Líder retornará em breve, obrigado pela compreensão“, resolveu ir até o centro Pokémon, mas um senhor o chamou.

  “Desculpe, mas você está interessado em batalhar para conseguir a insígnia” – Falcon respondeu que não, mostrou que não carregava qualquer insígnia – “Ouvi histórias que o campeão, Lance, treinou nesta cidade, então resolvi visitar esta cidade para treinar os meus Pokémon dragões” – o senhor sorriu e disse para que segui-lo.

  Estavam em um santuário com várias estátuas de dragões, seguiu o senhor até um grande hall, lá estava uma mulher com uma capa e um Dragonair – “Clair, este rapaz gostaria de treinar aqui, é… desculpe, mas acredito que não me disse seu nome, rapaz” – Falcon se apresentou e explicou suas razões de estar na cidade, Clair virou-se e disse – “Um treinador que somente utiliza Pokémon dragões, é? Bom, antes de tudo, quero ver suas habilidades e a força de seus Pokémon, começarei com Dragonair” – Falcon aceitou batalhar e arremessou sua Poké Ball – “Shelgon, Dragon Claw!” – Shelgon partiu na direção de Dragonair, suas garras estavam envolvidas por um brilho roxo – “Dragonair, Dragon Breath” – antes que Shelgon atacasse, Dragonair lançou uma chama roxa, causando dano super efetivo e nocauteando-o.

  “Volte! Sua vez, Fraxure, Dual Chop!” – Fraxure atingiu Dragonair duas vezes com suas garras, apesar do tipo do golpe ser super efetivo, Dragonair não aparentava ter sofrido qualquer dano – “N-não pode ser…” – Clair ordenou que Dragonair usasse o mesmo ataque, nocauteando Fraxure, Falcon retornou-o para a Poké Ball – “Sua vez, Dragonai…” – estava prestes a arremessar a Poké Ball, quando Clair disse que já era o suficiente – “Pare, já é o suficiente” – segurou a Poké Ball e olhou diretamente para Clair – “Sinto lhe dizer, mas no nível que está agora, não acredito que seja algum desafio para Lance”.

  Começou a tremer e ficou cabisbaixo: “Não sou um desafio para Lance? Shelgon e Fraxure não foram páreos para o Dragonair de Clair… eu não treinei o suficiente? Droga!”, Clair se aproximou de Dragonair e o acariciou – “Fez um bom trabalho, Dragonair, descanse” – retornou Dragonair para a Poké Ball e caminhou na direção de Falcon – “Deve conhecer a história que eu e Lance treinamos nesta cidade quando crianças, mas saiba que não é apenas este treinamento que nos fortaleceu… pois muitas pessoas já vieram para treinar e não obtiveram sucesso. No entanto, acredito que você será diferente” – Falcon parou de tremer, ergueu a cabeça, sua expressão mudou completamente – “V-você está falando sério?”.

  Clair respondeu com um sorriso – “Espero que esteja realmente preparado, porque o treino será difícil. Primeiro, vá ao centro Pokémon e recupere seus Pokémon, começaremos assim que retornarem” – Falcon correu em direção ao centro Pokémon, estava ansioso para começar seu treino.


Deixar uma resposta