TOP 10: Pokémon Mais Pequenos

177MS

Como sabemos, alguns Pokémon não aparentam ter o seu peso devido à sua altura, ou vice e versa. Devido à isso um tempo atrás falamos quais eram os maiores Pokémon, é só clicar aqui caso não tenha visto ainda. Então que tal agora saber quais são os 10 menores Pokémon de todos os tempos? Lembrando que alguns pokémon possuem a mesma altura, nesse caso o critério de desempate utilizado foi o base power, do mais forte para o mais fraco. Venham conferir quem são os pequenos.

669MS

10º Natu (0,2 m)

Natu

Curiosidades

Geralmente procuram por comida no chão. Como suas asas ainda não estão totalmente desenvolvidas, eles tem que “saltar” para se locomoverem, possuindo assim uma capacidade de salto altamente desenvolvida. Se os seus olhos se encontram com os olhos deste Pokémon, ele vai olhar fixamente para você. Mas se você se mover, mesmo que ligeiramente, ele vai pular para manter uma distância segura.

9º Foongus (0,2 m)

Foongus

Curiosidades

A razão desse Pokémon se assemelhar com uma pokebola é ainda desconhecida. Entretanto, devido ao seu padrão de coloração, ele atrai pessoas, em seguida, libera esporos venenosos para repelir aqueles que tentam pegá-lo.

8º Chingling (0,2 m)

Chingling

Curiosidades

Locomove-se por pulinhos. Existe uma esfera dentro de sua boca, na parte de trás de sua garganta. Quando ele pula, a esfera se movimenta e produz um som parecido com um sino. É capaz de ensurdecer seus inimigos usando gritos de alta frequência. As pessoas não conseguem ouvir seu choro, e uma vez começado, ele pode chorar por um longo tempo.

7º Budew (0,2 m)

Budew

Curiosidades

Vivem ao lado de lagoas cristalinas. São sensíveis às mudanças de temperatura, durante o inverno, fecham seus botões e resistem ao frio. Na primavera, quando sentem o calor do sol, eles abrem seus botões e liberam o pólen, provocando espirros e coriza.

6º Tynamo (0,2 m)

Tynamo

Curiosidades

Enquanto um sozinho não tem muito poder, uma cadeia de muitos Tynamo pode ser tão poderosa quanto um relâmpago. Estes Pokémon se movimentam em bando. Possuem um órgão gerador de eletricidade, para que eles possam descarregar a eletricidade quando se sentirem ameaçados.

5º Diglett (0,2 m)

Diglett

Curiosidades

Ele prefere locais escuros e passa a maior parte do seu tempo no subterrâneo, embora possa aparecer em cavernas. Sua pele é muito fina. Se for exposto à luz, o sangue esquenta, influenciando negativamente em seu crescimento. Se um Diglett escava através de um campo, ele deixa o solo ideal para o plantio, tornando muito comum avistar Diglett em fazendas.

4º Burmy (0,2 m)

Burmy-Plant

Curiosidades

Para se proteger contra o frio e ventos gélidos, cobre-se com um manto feito de galhos e folhas. Quando está quente, o seu manto é mais fino. Mesmo que nasça em um local onde não existem materiais para fazer seu manto, de alguma forma sempre acaba com um manto. Se por algum motivo seu manto acaba “quebrando” durante uma batalha, ele rapidamente o refaz com materiais próximos.

3º Azurill (0,2 m)

Azurill

Curiosidades

Um Pokémon que vive pela água. Ele se move rapidamente em terra saltando em sua cauda grande, que é onde estão os nutrientes necessários para o crescimento. Além disso, a cauda também serve como um dispositivo de flutuação na água. Azurill batalha usando sua cauda, arremessando a mesma em oponentes maiores que ele.

2º Joltik (0,1 m)

Joltik

Curiosidades

Joltik que vivem nas cidades têm aprendido uma técnica para sugar a energia eléctrica dos pontos de venda em casas. Uma vez que não consegue gerar sua própria eletricidade, ele gruda em algum Pokémon maior e absorve eletricidade estática, armazenando a mesma em uma “bolsa elétrica”.

1º Flabébé (0,1 m)

Flabébé

Curiosidades

Quando ele encontra uma flor que gosta, ele habita nessa flor por toda a sua longa vida. Ele flutua no abraço do vento com um coração tranquilo. Extrai e controla o poder oculto das flores. É mais provável que a flor que Flabébé detém seja parte de seu corpo.

Nones Sig

One thought on “TOP 10: Pokémon Mais Pequenos

  1. Olá! este site é Português não? Aqui no Brasil “mais pequenos” (comparação adjetiva analítica), não é comumente usada apesar de correta quando usada em textos literários, e soa bem estranho a maioria das pessoas. Por aqui usamos a comparação adjetiva sintética “menores”.
    Só para termos de curiosidade.
    Boa matéria!

Deixar uma resposta